Blog

Hérnia de Disco: Causas, tratamento e prevenção

A hérnia de disco é uma lesão que pode ocorrer em toda a coluna vertebral, sendo a mais frequente na coluna lombar.

Trata-se do abaulamento da cartilagem situada entre as vértebras e que por vezes pode se exteriorizar causando compressão direta sobre o canal vertebral e as estruturas neurais

Essa compressão pode causar lombalgia, e frequentemente pode se irradiar para as pernas, evoluindo com a conhecida lombociatalgia “dor no nervo ciático”.

 

O que causa hérnia de disco?

A hérnia é gerada por um desgaste do disco, que pode ter diversas origens como:

  • Herança genética;
  • Obesidade;
  • Tipo de atividade laboral;
  • Outros fatores.

Lembre-se: Não tome remédios por conta própria e não fique esperando que a dor melhore sozinha. Nenhuma dor, especialmente na coluna, deve ser ignorada, por isso, procure o quanto antes um médico especializado para ter o diagnóstico correto, assim como o tratamento indicado.

 

Quando o tratamento cirúrgico é indicado?

A cirurgia de hérnia de disco lombar/cervical deve ser realizada somente quando todas as tentativas de tratamentos clínicos forem realizadas, como medicamentos, fisioterapia e bloqueios.

O período para esse tratamento conservador é de pelo menos 3 meses.

Situações de urgência podem ocorrer, como por exemplo, a diminuição de força com sensação de dormência no membro afetado, acompanhado de perda do controle dos esfíncteres anal e vesical  ( síndrome da cauda equina)Nesta situação o tratamento cirúrgico deve ser considerado e realizado o mais breve possível.

 

 

Como prevenir a Hérnia de Disco?

O estilo de vida da pessoa reflete diretamente em seu corpo. Por isso, para evitar hérnias de disco, procure ter uma qualidade de vida mais saudável.

Algumas práticas indicadas são:

  • Evitar carregar excesso de peso no dia a dia;
  • Manter uma postura correta ;
  • Praticar atividades físicas indicadas por um profissional (caso já tenha problemas de hérnia de disco o ideal são exercícios que evitem impacto e que busquem alongar os músculos e reforçar a musculatura das costas e abdômen);
  • Evitar o fumo;
  • Fazer regularmente consultas preventivas.
Compartilhar
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Veja Também